A Faculdade Doutor Leocádio José Correia (FALEC) inaugurou um curso de graduação inédito no nosso país e quem sabe no mundo. É o Curso de Teologia, específico na área Espírita e tem a duração de 4 anos. Pela primeira vez, a Doutrina Espírita é estudada, a nível acadêmico e transdisciplinar, pois transita em todas as principais áreas do conhecimento.

Este curso superior proporciona ao aluno um estudo profundo da Doutrina, fazendo ponte com as áreas de Medicina, Direito, Antropologia, Sociologia, Física Quântica, Epistemologia, Psicologia, Pedagogia, etc.

A graduação de Bacharel em Teologia é reconhecida pelo MEC e sua proposta é capacitar pessoas de qualquer denominação religiosa que deseje o estudo da Doutrina.

“Assim sendo, o Teólogo Espírita, pode contribuir profissionalmente e ou voluntariamente em organizações relacionadas à saúde, assistência e desenvolvimento social, em unidades culturais, em núcleos de estudos espíritas e instituições religiosas. Pode atuar como membro de conselhos de ética dentro de organizações de grande porte … pode contribuir no terceiro setor e ONGS, na criação e desenvolvimento de projetos nucleados na promoção e dignificação do ser humano.” (WEDDERHOFF,P.H.,www.mediunatoespírita.com )

O Espiritismo que é a interpretação e a prática da Doutrina Espírita, baseada na fé raciocinada, codificada por Allan Kardec, sob a luz da Ciência, da Filosofia e da Religião, mostra-nos a importância da evolução pelo conhecimento intelectual e moral.

O curso conta com um corpo docente formado por mestres e doutores, com profundo e extenso conhecimento na Doutrina, exemplificado no seu idealizador o Professor Doutor Maury Rodrigues da Cruz. Ele é Diretor-Presidente da Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas (SBEE), há muitos anos é médium atuante e propõe uma contextualização. Quer dizer, trazer conceitos, termos, idéias para os dias de hoje, promovendo o momento novo, mas atendendo e resguardando os princípios fundamentais da Doutrina.

A Teologia Espírita tem por objetivo o estudo, a pesquisa e a sistematização da Doutrina dos Espíritos, instrumentalizar e instrucionalizar o homem, ao nível da metodologia científica.

“Teologia Espírita sistematiza o perfil do médium, homem-sujeito que nos respectivos períodos históricos da humanidade produziram fatos espíritas por meio das mensagens, orientações, comunicações, que expressam qualitativamente conhecimento, integração humana. Levanta as variáveis que envolvem seu extrato e o seu substrato, redimensionando-o no tempo e no espaço. Restaura o pensamento crítico para a compreensão e interpretação do fato espírita, do processo mediúnico, na dimensão da história.” (CRUZ, 2008 p.240)

Assim sendo, os teólogos espíritas apoiados no reconhecimento oficial, poderão contribuir para o processo de reespiritualização da humanidade. É importante salientar que para mim foi uma honra fazer parte da primeira turma de Teologia Espírita da FALEC, mas sabendo que a tarefa continua. Pesquisar, estudar, divulgar, pois como a vida o conhecimento é dinâmico e que deve-se acompanhar os passos da Ciência, filtrado pela Filosofia e acomodado na moral cristã, no modelo de Jesus Cristo.

“O curso de Teologia Espírita, fazendo o cruzamento do conhecimento da Ciência, Filosofia e Religião, vem contribuir para a construção da unidade do conhecimento e na promoção da expansão das fronteiras do conhecimento espírita. Como resultados deste processo podemos esperar a melhoria dos níveis de qualidade, equilíbrio, dignidade e harmonia da vida no planeta Terra.”

 

REFERÊNCIAS

CRUZ,M.R. Antopologia Espírita, Curitiba, Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas

WEDDERHOFF,P.H. artigo Teologia Espírita (www.mediunato.org)

Anúncios